Bárbara Salimena

Juiz de Fora - MG
contatoholychic@gmail.com
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

Resenha - O Iluminado (Stephen King)

03/05/2016

 

Título: O Iluminado

Autor: Stephen King

Ano: 1977

Editora: Suma de Letras

Gênero: Horror

Número de páginas: 463

 

Sinopse: "Danny Torrace não é um menino comum. É capaz de ouvir pensamentos e transportar-se no tempo. Danny é iluminado. Será uma maldição ou uma bênção? A resposta pode estar guardada na imponência assustadora do Hotel Overlook.

 

Quando Jack Torrace consegue o emprego de zelador no velho hotel, todos os problemas da família parecem estar solucionados. Não mais o desemprego e as noites de bebedeira. Não mais ao sofrimento da esposa, Wendy. Tranquilidade para o pequeno Danny se livrar das convulsões que assustam a família.

 

Só que o Overlook não é um hotel comum. O tempo se esqueceu de enterrar velhos ódios e de cicatrizar antigas feridas, e espíritos malignos ainda residem nos corredores. O hotel é uma chaga aberta de ressentimento e desejo de vingança. É uma sentença de morte. E somente os poderes de Danny podem fazer frente à disseminação do mal."

 

 Capa do livro.

 

 

Resenha: 'O Iluminado' foi o terceiro livro publicado por Stephen King e é considerado a obra que consolidou o autor no gênero.

 

Baseado em suas próprias experiências (a visita ao hotel Stanley e a luta contra o alcoolismo), King nos leva ao Hotel Overlook, localizado, na ficção, nas montanhas do Colorado. Jack Torrace aceita o emprego como zelador temporário e tudo se encaixaria perfeitamente bem. Porém, o Overlook resguarda um passado negro de crimes e sangue. A festa macabra está para começar.

 

Como se a história não fosse suficientemente boa para te convencer a ler o livro, vamos um pouco mais além.

 

O autor desenvolve seus personagens de maneira progressiva. Até o hotel começar a tocar o terror, vamos ter uma experiência de aproximação com os protagonistas. Entender eles, conhecer e saber quem são e, talvez, no que podem se tornar.

 

King não deixa de fora uma de suas principais referências no mundo literário, Edgar Allan Poe, fazendo uma inter-relação entre sua obra e 'A Máscara da Morte Rubra'. Então, para que possa compreender a história como um todo, eu sugiro que procure saber (para aqueles que não conhecem) do que se trata este conto de E. A. Poe. Vale mesmo a pena!

 

Os ambientes de horror criados são simplesmente de arrepiar a alma. Tive dificuldade de dormir algumas noites por conta de uma passagem ou outra, mas isso eu não confessaria em um texto escrito. Não mesmo. As cenas finais são de tirar o fôlego e te farão ansiar pela próxima página.

 

E caso eu não tenha te convencido a ler ainda, aí vai minha cartada final: Ele consegue te meter medo com uma mangueira. É sério.

 

Conclusão: É leitura OBRIGATÓRIA para fãs do gênero e um livro extremamente rico e profundo para qualquer tipo de leitor. Vida longa ao King!

 

 Sugestão de vídeo que conta curiosidades sobre o Hotel Stanley, que Inspirou o livro.

 

Miguel Paes

Escritor

Please reload

Playlist - Novembro 2019

18/11/2019

Halloween de última hora: guloseimas prontas

29/10/2019

1/5
Please reload

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

POSTS RECENTES

Please reload

TAGS

Please reload

Bárbara Salimena, 27 anos.

É formada nos cursos Artes e Design e Moda da UFJF. Vegetariana, é apaixonada por animais em geral, mas seus maiores amores são a cadelinha Isis e os gatinhos Mia, Vicky, Nick e Lucy. Adora moda, lanches, maquiagem, música, filmes e ler um bom livro.