Bárbara Salimena

Juiz de Fora - MG
contatoholychic@gmail.com
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

Como obter o guarda-roupas dos sonhos gastando pouco

 

Alguns meses atrás, conversando com uma amiga que também estuda moda, comentei que sinto que as pessoas esperam que a gente que é da área se vista sempre mais arrumadinha e estilosa. Mas como a maioria das pessoas, infelizmente não nasci herdeira de uma grande fortuna! Então precisei aprender que para transformar meu guarda-roupas no guarda-roupas dos sonhos é necessário ter bastante foco e paciência. Aí vão algumas dicas: 

 

  • Buscar inspirações e referências

 

Comecei definindo qual estilo eu gostaria de ter e decidi que eu queria me vestir bem "rockeira rica". Não tem problema ser um nome bobo ou engraçado, é só pra você ter um caminho para seguir! Então busquei no Instagram referências de meninas que eu acompanho e acho super estilosas. Exemplos:

 

- Débora Cechetto (@dcechetto)

 

 

O que me atrai: touquinhas, jaqueta de couro fake, jaqueta jeans, camisa xadrez vermelha, bolsas pretas.

 

- Vic Hollo (@vicqueen)

 

 

O que me atrai: calça preta de cintura alta, jaqueta jeans, óculos escuros estilosos, bolsas pretas, botas de salto médio.

 

  • Montar uma wishlist (lista de desejos):

 

Fiz uma lista - anotei MESMO, pode ser no papel, no computador ou celular. O importante é não confiar só na memória - com peças que eu QUERO e outra com peças que eu PRECISO. Na lista de coisas que eu quero ficaram itens como jaqueta de couro fake, botas e chapéus. Para a lista de coisas que preciso foram as coisas mais simples, como blusas básicas de cores neutras, lingerie e meias.

 

Defini as cores e algumas vezes montei no Photoshop listinhas com imagens mesmo, para visualizar melhor. Eu queria focar em peças, texturas e cores que combinassem com as peças que já tenho, e assim multiplicar as combinações de looks no futuro.

 

Eu particularmente prefiro roupas nas cores preto, branco e cinza. O toque de cor, COR MESMO, fica no azul e no vermelho, que gosto mais e tenho mais facilidade de combinar. As peças em jeans geralmente funcionam com todas essas opções.

 

 

  • Ficar atento em promoções:

 

Algumas dessas peças nas quais decidi que gostaria de investir não são super baratas, por isso já sabia que essa não seria uma tarefa para um único mês de trabalho. Mas conseguir comprá-las num valor abaixo do que normalmente sairiam já ajuda a manter tudo dentro do orçamento. Comecei a prestar mais a atenção em lojas baratinhas e também nas promoções de lojas e marcas que sempre gostei ou desejei - tanto lojas físicas quanto lojas online. Fazendo isso dá pra ter muita coisa legal e estilosa sem gastar demais! Quer provas de que isso funciona?

 

De marcas que acho mais bacanas consegui comprar:

 

- um tênis preto básico Santa Lolla por R$ 99,90

- duas botas na Dafiti, uma Colcci e uma Via Marte, por R$ 200,00 - saiu a apenas R$ 100,00 cada uma!

- uma calça bordô skinny e de cintura alta na Youcom, do jeitinho que sempre quis, por R$ 79,90

 

E em lojas que já costumam ser mais em conta: 

 

- um moletom cinza escuro da C&A por R$ 19,90 - nesse eu arrasei, né? 

- uma jaqueta preta de couro fake com spikes da C&A por R$ 119,90 (antes estava R$ 169,90)

- um chinelo vermelho e azul da C&A por R$ 9,99

- um vestido preto Dalian por R$ 19,90

- um blazer preto e branco listrado Six Girl por R$ 29,90

 

Calçados: Colcci, Santa Lolla e Via Marte. 

 

Viu como eu segui tanto a paleta de cores quanto a listinha do que realmente queria ou precisava? Tem horas que é muito difícil não levar uma blusinha baratinha com estampa engraçada da Renner, mas eu quero mesmo focar no que é importante no momento para não acabar desviando a verba! Hahaha!

 

  • Montar um "catálogo" de looks que funcionam:
     

Sempre tem aqueles dias em que estamos com pressa ou preguiça demais para bolar um look incrível na hora de sair, não é? O que eu gosto de fazer para não rolar esse tipo de coisa é usar alguns dias livres para montar visuais bacanas: na hora do aperto é só pegar aquelas peças que funcionam juntas e sair! Você pode experimentar no corpo ou simplesmente jogar em cima da cama e ir testando o que fica mais legal. Fazer uma listinha ou clicar algumas fotos também ajuda a lembrar o que já deu certo. A intenção não é ficar maravilhoso e profissional, é só pra quebrar um galho!

 

 

 

Essas dicas já tem funcionado para mim, mas e você? Tem alguma sugestão para quem quer montar o guarda-roupas dos sonhos? Conta pra gente aqui nos comentários!

Please reload

Playlist - Novembro 2019

18/11/2019

Halloween de última hora: guloseimas prontas

29/10/2019

1/5
Please reload

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

POSTS RECENTES

Please reload

TAGS

Please reload

Bárbara Salimena, 27 anos.

É formada nos cursos Artes e Design e Moda da UFJF. Vegetariana, é apaixonada por animais em geral, mas seus maiores amores são a cadelinha Isis e os gatinhos Mia, Vicky, Nick e Lucy. Adora moda, lanches, maquiagem, música, filmes e ler um bom livro.